Últimas novidades e informações

Em setembro de 2020, na Europa, o nº total de viaturas eletrificadas matriculadas foi superior ao nº de viaturas movidas a gasóleo, uma estreia desde que existe registo.
Um estudo realizado pela JATO Dynamics aos 27 mercados europeus constata que pela primeira vez, as viaturas eletrificadas ultrapassam as 300 mil unidades matriculadas num só mês e a 2ª vez que representam mais de 20% das matrículas.

Com base nos dados deste estudo, verifica-se que a procura por veículos com motor de combustão interna decresceu, enquanto que o volume de veículos eletrificados aumentou 139%, para 327.800 unidades. Estes números representam um recorde em volume e em quota de mercado.

Verifica-se ainda que o mercado diesel caiu para 24,8% em setembro de 2020, o que representa uma larga queda, especialmente tendo em conta que há 10 anos, as viaturas a gasóleo representavam cerca de 50% dos registos na Europa, enquanto que apenas 1% eram viaturas elétricas.

Segundo Felipe Munoz, analista global da JATO Dynamics, “a mudança de ICE para soluções eletrificadas está finalmente a acontecer. Embora as políticas de incentivo tenham um grande peso na decisão, os consumidores já se encontram preparados para adotar estas novas tecnologias”.

A sua viatura precisa de trocar de pneus?

Os tempos mais chuvosos aproximam-se e se os pneumáticos da sua viatura não apresentarem as melhores condições de segurança, as distâncias de travagem aumentam, podendo colocar em risco a sua segurança e a de outros.

Pensando no seu bem-estar e comodidade, a Locarent estabeleceu acordos que nos permitem oferecer um desconto de 15% nos serviços associados à substituição de pneus (pneus, alinhamento, equilíbrio, reparações de furos e válvulas). Estas condições estão disponíveis para as marcas de pneus Goodyear, Bridgestone e Dunlop.

Como pode beneficiar deste desconto?

Basta entrar em contacto com a nossa linha de apoio para proceder ao agendamento e substituição dos pneus numa oficina da nossa rede protocolada.

A Locarent tratará do resto e posteriormente receberá a fatura, já com o desconto, para a sua liquidação.

Pretende incluir este serviço na renda?

Com este serviço integrado na renda, a preocupação com a substituição de pneus desaparece. A Locarent tem condições vantajosas. Consulte o seu gestor de conta

O novo Opel Corsa destaca-se entre fortes rivais na categoria dos citadinos e vence um prestigiado galardão da indústria automóvel alemã, o "Das Goldene Lenkrad": o "Volante de Ouro".


Michael Lohscheller, CEO da Opel, afirma «A Opel é elétrica e o nosso novo Opel Corsa-e é a melhor prova desse facto, demonstrando que um automóvel elétrico pode hoje ser não só dinâmico e prático, como também acessível a todos. Estamos orgulhosos da forma como o Corsa-e convenceu todos os envolvidos no processo: os nossos clientes, os leitores do ‘Auto Bild’ e do ‘Bild am Sonntag’ e ainda o júri de especialistas e de celebridades.»

O Corsa-e foi o 18º modelo da Opel a garantir o "Volante de Ouro".

A partir de 1 de novembro de 2020, as regras para a inspeção automóvel serão mais rigorosas, com o objetivo de harmonizar os critérios utilizados nas inspeções em toda a União Europeia.

Segundo o IMT, as principais alterações introduzidas com a Deliberação prendem-se com:

  • Desdobramento de todas as deficiências detalhando a sua definição para que as mesmas sejam comparáveis entre inspeções realizadas por diferentes inspetores e para que sejam perfeitamente entendíveis pelos proprietários dos veículos inspecionados;
  • Introdução de anexo específico para deficiências relacionadas com veículos Híbridos e Elétricos;
  • Introdução de deficiências específicas de veículos de transporte de crianças e de transporte de deficientes;
  • Introdução de deficiências relacionadas com sistemas EPS (Direção Assistida Eletrónica), EBS (Sistema de Travagem Eletrónico) e ESC (Controlo Eletrónico de Estabilidade);
  • Definição de novos valores máximos de opacidade de acordo com a Diretiva.

 

 Além disso, foram ainda introduzidas dois novos tipos de deficiências:

  • O controlo de alteração do nº de quilómetros entre inspeções no sentido de precaver eventuais fraudes de manipulação dos conta-quilómetros nos atos de transações de veículos usados. Ou seja, será anotada esta informação na ficha de inspeção que se manterá como informação obrigatória nas inspeções subsequentes.
  • Controlo das necessárias operações de Recall quando estão envolvidas questões de segurança e aspetos relativos à proteção do ambiente.

 

Mais informações estão disponíveis na Deliberação nº 723/2020.

Agora, através do myLocarent, para além de novos dashboards com informação relevante e intuitiva da sua frota ou da sua viatura, entre várias outras funcionalidades, poderá optar pela faturação eletrónica, sem qualquer custo e com muito mais comodidade.

É mesmo fácil!
Aceda ao renovado portal da Locarent via www.mylocarent.pt ou através do site www.locarent.pt, registe-se caso ainda não o tenha feito, e no ecrã “faturação” escolha a opção da sua preferência!

 

Num mundo cada vez mais digital, a Locarent acaba de lançar a nova versão do Portal de Cliente, mais completo, simples e intuitivo: o my Locarent!

Para além de novas funcionalidades, o Cliente tem agora à sua disposição informação gráfica, de leitura mais dinâmica e amigável, para que se possa dedicar à gestão da sua frota e, assim, otimizar o seu tempo.

Entre muitos desenvolvimentos destacamos as seguintes novidades:

  • Dashboard com uma visão integrada sobre 5 áreas-chave para a gestão da frota ou viatura no dia-a-dia: “O que temos”, “O que vai acontecer em breve”, “Informação Operacional”, “Informação Financeira” e “Alertas”.
  • Plataforma de mensagens para facilitar o contacto entre o Gestor e o Cliente.
  • Faturação eletrónica com adesão direta com ganhos de eficiência.

No my Locarent, o Cliente tem acesso a diversos Relatórios de Gestão de Frota e de Recondicionamento, bem como a documentos como o Manual de Condutor e de Recondicionamento.

Disponível 24h por dia, 7 dias por semana, o novo portal de Cliente está disponível em www.mylocarent.pt ou através do site da Locarent (www.locarent.pt).

Neste contexto de pandemia COVID-19, o papel das empresas é fundamental no que diz respeito à proteção da saúde e segurança dos seus colaboradores, clientes, fornecedores e parceiros, através da adoção de medidas e procedimentos que evitem a propagação da infeção, contribuindo para reduzir o impacto na empresa, na economia e na sociedade.

Desta forma, a Locarent criou um guia prático de “Regresso ao Trabalho” com todas as medidas preventivas implementadas, a seguir pelos seus colaboradores, com o objetivo de prevenir, minimizar e gerir os riscos de infeção e propagação da doença.

Neste documento foram espelhadas as orientações da DGS, criadas regras internas de utilização de espaços comuns, regras de distanciamento, foram identificados os equipamentos de proteção individual adquiridos e distribuídos pelos colaboradores, foi reforçada a limpeza das instalações e identificados os colaboradores em situações vulneráveis ou impossibilitados de regressarem ao trabalho de imediato.

Para além disto, a Locarent implementou um Plano de Contingência com os procedimentos a adotar num possível caso de infeção, com a identificação das responsabilidades de cada interveniente e circuitos a seguir em cada situação.

Por fim, e para garantir a continuidade do funcionamento dos diversos serviços e relação com os clientes, foram identificados todos os processos críticos para a atividade da empresa, as condições, meios e recursos necessários para os assegurar.

Face a todas as ações implementadas a Locarent cumpre todos os requisitos do Protocolo Sanitário, alinhadas entre a ACAP, outras associações do setor automóvel e as entidades de saúde, o que lhe permitiu obter o selo de “Estabelecimento Seguro”.

O Fleet Market é uma plataforma pertencente à Fleet Magazine, que reúne as ofertas de financiamento de locadoras, financeiras e marcas, com o objetivo de disponibilizar, num só local, todas as ofertas disponíveis no mercado.

Com o objetivo de aumentar a visibilidade das suas campanhas, a Locarent aderiu a esta plataforma, onde estará reunida toda a informação da sua oferta.

A Locarent, na qualidade de associada da ACAP - Associação Automóvel de Portugal, aderiu à iniciativa “Estabelecimento Seguro”, desencadeada pelo COVID-19 e que pretende dar aos Clientes, Parceiros e Colaboradores a confiança num espaço seguro para todos.

Esta iniciativa traduz-se na presença de um selo em todos os espaços físicos da Locarent, como prova de compromisso para com o cumprimento de normas sanitárias e de segurança determinadas pela associação.

Conheça aqui esta iniciativa da ACAP em detalhe.

Preparados para o receber em segurança, esperamos por si nas nossas instalações e Centros Técnicos, em Lisboa e no Porto!

É tempo de prepararmos o regresso à normalidade, garantindo todas as regras de segurança e prudência.

Assim, informamos que, a partir de segunda-feira, 1 de junho, os Centros Técnicos de Lisboa (Olival Basto) e Porto (Alfena) vão reabrir e retomar a sua atividade normal, adotando as medidas preventivas de segurança recomendadas pela DGS.

Como habitualmente, poderá agendar a peritagem e entrega da viatura, através da Linha de apoio da Locarent:

  • CAIXA GERAL DE DEPÓSITOS: 800 200 032 em Portugal, ou (+351) 21 440 50 29 no Estrangeiro;
  • NOVO BANCO: 800 206 539 em Portugal, ou (+351) 21 383 55 70 no Estrangeiro.

Na sequência da publicação da Lei n.º 2/2020, de 31 de março, diploma legal que aprovou o Orçamento do Estado (OE) para 2020 e que entrou em vigor no dia 1 de abril, a Locarent identifica resumidamente as principais alterações verificadas, nomeadamente no âmbito da Tributação Autónoma:

  • A aplicação da taxa de tributação autónoma de 10% às despesas com veículos ligeiros de passageiros e veículos ligeiros de mercadorias passa a considerar-se para os veículos com um custo de aquisição inferior a € 27.500, ao invés do anterior limite de € 25.000. Por conseguinte, a aplicação da taxa de tributação autónoma de 27,5% às despesas com veículos ligeiros de passageiros e veículos ligeiros de mercadorias passa a considerar-se para veículos com um custo de aquisição entre € 27.500 e € 35.000, em substituição do custo de aquisição anteriormente considerado entre € 25.000 e € 35.000;

 

  • As viaturas ligeiras de passageiros movidas a gases de petróleo liquefeito (GPL) deixam de beneficiar de uma redução na taxa de Tributação Autónoma, passando a estar sujeitas às taxas gerais de Tributação Autónoma;

 

  • Deixa de ser aplicável o agravamento de 10 pontos percentuais na taxa de Tributação Autónoma das entidades que tenham apurado prejuízo fiscal no período de tributação de início de atividade e no seguinte.

 

Destacamos ainda que o IVA incorrido na aquisição de gasolina utilizada nas situações previstas no artigo 21.º, n.º 1, alínea b) do CIVA, designadamente em veículos licenciados para transportes públicos (v.g. táxis e outros transportes individuais de passageiros em veículos descaracterizados contratados através de plataformas digitais - TVDE) passa a ser dedutível.

Consulte a nossa Monofolha Fiscal.

Com o surgimento da COVID-19, os nossos hábitos alteraram-se, forçando-nos a passar mais tempo em casa, mas sabemos que poderá precisar de utilizar a sua viatura para deslocações prioritárias.

Tendo em conta a crescente importância da higiene dos espaços com os quais mais contactamos, deixamos-lhe algumas dicas para garantir a melhor higienização possível da sua viatura.

Saiba como manter a sua viatura higienizada

Enquadrado com o compromisso para com a sustentabilidade ambiental e no sentido de otimizar a eficiência processual, a Locarent adotou, desde março de 2020, o sistema de Faturação Eletrónica, com caráter legal e fiscal, com várias vantagens associadas:

 

  • Grátis: A subscrição da Fatura eletrónica e manutenção do serviço não tem qualquer custo associado.
  • Maior rapidez e comodidade: A fatura é enviada por email, eliminando o papel, papel, ficando disponível na Área Cliente do nosso portal locarent.pt
  • Privacidade e Segurança: A fatura está protegida por elevados padrões de segurança e privacidade que regulam este serviço.
  • Responsabilidade ambiental: Desmaterialização da fatura contribui para a sustentabilidade ambiental.

 

Como posso aderir?

A adesão ao sistema de faturação eletrónica deverá ser feita na Área de Cliente no Portal da Locarent (em breve!), através da opção Faturação Eletrónica ou, em alternativa, através do e-mail: daf.financeira@locarent.pt com a seguinte estrutura:

 

Assunto: Adesão Faturação Eletrónica [Nº Cliente]; [NIF]

Conteúdo:

Pretendo aderir à Faturação Eletrónica.

Nº Cliente: [Nº Cliente]

Nome Cliente: [Nome Cliente]

NIF: [NIF Cliente]

E-mail: [E-mail responsável autorizações Cliente]

 

Em caso de dúvidas, poderá contactar-nos através do email: apoio.cliente@locarent.pt.

Num contexto sensível para todos nós, a Locarent pretende assegurar o melhor serviço aos seus clientes.

Neste sentido, informamos que para os cartões Galp Frota Corporate, não renovados e cuja data de validade expira em março e abril, esta foi prolongada até 30 de junho de 2020.

Garantimos, desta forma, aos nossos clientes que não recebam um novo cartão, a possibilidade de continuar a utilizar o seu cartão atual, neste período, sem qualquer pedido adicional.

Avançamos juntos!

Porque mesmo longe, estamos perto de si, a Locarent assegura um conjunto de meios digitais, para que possa ter o melhor serviço possível e todo o apoio de que precisa, sem sair de casa!

 

Assim, num momento em que o meio digital é o mais aconselhado, relembramos que:

 

  • O seu Gestor de Cliente está sempre ao dispor para o apoiar em qualquer questão ao nível do seu contrato e para lhe oferecer as soluções mais adequadas às suas necessidades.

 

  • A nossa Linha de Apoio ao Condutor está disponível 24h por dia, pronta para ajudar os nossos Clientes e Condutores com qualquer questão! Seja em caso de avaria, acidente, para solicitar um reboque ou uma viatura de substituição, agendar uma revisão, ou qualquer outra questão que surja, por favor envie email para apoio.condutor@locarent.pt ou contacte:

   Cliente CGD: 800 200 032 em Portugal ou (+351) 21 440 50 29 no Estrangeiro

   Cliente NB: 800 206 539 em Portugal ou (+351) 21 383 55 70 no Estrangeiro

 

  • Para questões relacionadas com o serviço prestado, poderá sempre recorrer ao nosso Customer Service, que responderá a qualquer dúvida ou reencaminhará para a área mais indicada (Tel. (+351) 21 487 35 00).

 

  • No nosso Website pode acompanhar os mais recentes desenvolvimentos quer dos novos Serviços, Campanhas, Materiais de Apoio ao Condutor, bem como informações relevantes para o setor automóvel e, inclusive, decorrentes do surto epidémico Covid-19. (locarent.pt).

 

 

  • Por fim, no Portal de Cliente encontrará um conjunto de indicadores e informações relevantes para si e/ou para o seu negócio, de consulta simples e rápida. Desde o acesso a dados de informação de gestão e financeiros, até relatórios de recondicionamento, o Portal de Cliente permite-lhe a consulta de informação relevante, de forma autónoma e digital.
    Em breve, será lançado o novo Portal de Cliente, mais dinâmico, mais completo e mais intuitivo – mais informações brevemente!

 

Avançamos juntos!

 

A Locarent, SA

 

 

 

Devido à situação epidemiológica causada pela Covid-19, o Conselho de Ministros estabeleceu medidas excecionais e temporárias no âmbito das inspeções técnicas periódicas de veículos a motor e seus reboques.

Neste sentido, foi decidido que os veículos que devessem ser sujeitos à Inspeção Periódica, com data de aniversário de matrícula compreendida entre os dias 13 de março de 2020 e 30 de junho de 2020, vejam o seu prazo prorrogado por cinco meses contados da data da matrícula.

Aproveitamos para informar que, enquanto vigorar este regime de exceção, o incumprimento da obrigação de Inspeção Periódica não releva para efeitos de seguro de responsabilidade civil automóvel.

Consulte o Decreto-Lei n.º10-C/2020, de 23 de Março.

O Ministério das Infraestruturas e da Habitação prorroga os prazos das inspeções periódicas de veículos a motor no âmbito das medidas excecionais e temporárias de resposta à epidemia SARS- CoV 2.

Assim, é definido o regime excecional de inspeção periódica, segundo o qual os veículos a motor e seus reboques, ligeiros ou pesados, que devessem ser apresentados à inspeção periódica no período que decorre desde 13 de março de 2020 até ao dia 31 de maio de 2020, veem o seu prazo prorrogado por dois meses contados da data da matrícula. Durante este regime de exceção, caso o seguro esteja ativo, mantém-se a responsabilidade civil automóvel.

Fora deste regime de exceção, é assegurada a prestação de serviços essenciais obrigatórios, que devem ser realizados por marcação, referentes aos seguintes veículos:

a) Automóveis pesados de passageiros (M2 e M3);
b) Automóveis pesados de mercadorias (N2 e N3);
c) Reboques e semirreboques com peso bruto igual ou superior 3500 kg (com exceção dos reboques agrícolas (O3 e O4);
d) Automóveis ligeiros licenciados para o transporte público de passageiros e ambulâncias;
e) Automóveis ligeiros de passageiros (M1), utilizados para transporte internacional, para deslocação autorizada;
f) Automóveis utilizados no transporte escolar;

As entidades gestoras devem informar o Instituto da Mobilidade e dos Transportes sobre quais são os centros de inspeção que, até ao dia 9 de abril de 2020, asseguram a prestação dos serviços essenciais.

20 de março de 2020

Assessoria de imprensa do Instituto da Mobilidade e dos Transportes, I.P.!

Com 15 anos de experiência, a Locarent é uma empresa portuguesa pertencente aos Grupos CAIXA GERAL DE DEPÓSITOS e NOVO BANCO.
Cientes das preocupações económicas e financeiras dos nossos Clientes, estamos atentos às soluções já implementadas (e que irão sendo implementadas) pelo Estado Português, em termos de apoio ao surto epidémico da COVID-19.

As soluções já lançadas, e as que estão previstas lançar, têm o canal bancário como principal veículo de disponibilização dos referidos apoio.

A Locarent está a dar todo o apoio, nomeadamente em termos de dinamização, esclarecimento e encaminhamento, para que cada situação concreta tenha a melhor solução que a cada momento esteja disponível.
Avançamos juntos.

Aproveitamos para partilhar uma notícia do site da República Portuguesa “EstamosOn”, com informação útil sobre os apoios existente e a ser disponibilizados (https://covid19estamoson.gov.pt/medidas-excecionais/#empresas)

1. Que linhas de crédito estarão disponíveis?
Foram disponibilizadas, através das instituições bancárias e garantidas pelo Estado, quatro linhas que acrescem à linha de âmbito geral, que abrange todos os setores económicos. No total, estas novas Linhas de Crédito representam 3 mil milhões de euros de financiamento adicional à economia, com um período de carência até 12 meses, são amortizadas até quatro anos e destinam-se aos seguintes setores:

 

1) Restauração e Similares: 600 Milhões de Euros, dos quais 270 Milhões de Euros para Micro e Pequenas Empresas

A quem se destina? Microempresas, PME, small mid cap e mid cap com:

  • Situação líquida positiva no último balanço aprovado; ou
  • Situação líquida negativa e regularização em balanço intercalar aprovado até à data da operação.

 

Quais são as condições? Máximo por empresa: 1,5 Milhões de Euros.

  • Garantia: Até 100% do capital em dívida.
  • Contragarantias: 100%.
  • Prazo de operações: 4 anos.

 

2) Turismo – Agências de Viagens; Animação; Organização de Eventos e Similares: 200 Milhões de Euros, dos quais 75 Milhões de Euros para Micro e Pequenas empresas

A quem se destina? Microempresas, PME, small mid cap e mid cap com:

  • Situação líquida positiva no último balanço aprovado; ou
  • Situação líquida negativa e regularização em balanço intercalar aprovado até à data da operação.

 

Quais são as condições? Máximo por empresa: 1,5 Milhões de Euros.

  • Garantia: Até 100% do capital em dívida.
  • Contragarantias: 100%.
  • Prazo de operações: 4 anos.

 

3) Turismo – Empreendimentos e Alojamentos: 900 Milhões de Euros, dos quais 300 Milhões de Euros para Micro e pequenas

4) Indústria – Têxtil, Vestuário, Calçado, indústrias extrativas (rochas ornamentais) e da fileira da madeira e cortiça:300 Milhões de Euros, dos quais 400 Milhões de Euros para Micro e Pequenas Empresas

A quem se destina? Microempresas, PME, small mid cap e mid cap com:

  • Situação líquida positiva no último balanço aprovado; ou
  • Situação líquida negativa e regularização em balanço intercalar aprovado até à data da operação.

 

Quais são as condições? Máximo por empresa: 1,5 Milhões de Euros.

  • Garantia: Até 100% do capital em dívida.
  • Contragarantias: 100%.
  • Prazo de operações: 4 anos.

O Governo continuará, naturalmente, a acompanhar a situação e a dirigir apoios a outros setores afetados.

Estão ainda disponíveis outras linhas de crédito no montante de €260 M:

 

a) Linha de crédito de 200 Milhões de Euros para apoio de tesouraria, no quadro do Programa Capitalizar (operacionalizada pelo setor bancário), incluindo setores não abrangidos pelas linhas elencadas anteriormente;

A quem se destina? Preferencialmente Microempresas, PME, small mid cap e mid cap com:

  • Situação líquida positiva no último balanço aprovado; ou
  • Situação líquida negativa e regularização em balanço intercalar aprovado até à data da operação.

 

Quais são as condições? Máximo por empresa: 1,5 Milhões de Euros.

  • Garantia: Até 80% do capital em dívida.
  • Contragarantias: 100%.
  • Prazo de operações: 4 anos para Fundo de Maneio e 1 a 3 anos para Tesouraria.

 

b) Linha de crédito de 60 Milhões de Euros para microempresas no setor do turismo (operacionalizada pelo Turismo de Portugal)

A quem se destina? Microempresas do setor do Turismo que:

  • Estejam licenciadas e registadas no Registo Nacional de Turismo, se exigível;
  • Não se encontrem numa situação de empresa em dificuldade; e
  • Não tenham sido objeto de sanções administrativas ou judiciais nos 2 últimos anos.

 

Quais são as condições? Montante: 750 €/mês/trabalhador.

  • Montante máximo: 20 mil euros.
  • Duração: 3 meses.
  • Reembolso: 3 anos (com 1 ano de carência).
  • Sem juros.
  • Garantia: Fiança pessoal de sócio.
  • Entidade responsável: Turismo de Portugal, I. P..

Considerando os desenvolvimentos resultantes do surto epidémico COVID-19, a Locarent informa os seus Clientes que, a partir de segunda-feira, dia 23 de março de 2020, a atividade dos Centros Técnicos da Lisboa (Olival Basto) e Porto (Alfena) estará suspensa por tempo indeterminado.

Manteremos operacional a recolha na morada de conveniência, permitindo, com este serviço, reduzir as deslocações por parte dos nossos Clientes.

Para a agendar, como habitual, bastará contactar para a Linha de apoio da Locarent constante do Manual de Condutor.

- CAIXA GERAL DE DEPÓSITOS: 800 200 032 em Portugal, ou (+351) 21 440 50 29 no Estrangeiro;
- NOVO BANCO: 800 206 539 em Portugal, ou (+351) 21 383 55 70 no Estrangeiro.

No sentido de acautelar eventuais constrangimentos neste âmbito, sugerimos aos nossos Clientes com viaturas em final de contrato, o contacto com o seu Gestor de Frota da Locarent, a fim de encontramos a melhor solução.

A Administração da Locarent

Na decorrência do surto epidémico COVID-19 e em linha com as recomendações da Direção Geral de Saúde (DGS), a Locarent tem colocado em prática um conjunto de medidas que visam, em primeira instância e a todo o momento, garantir a saúde dos seus Colaboradores, Clientes e Parceiros e, bem assim, manter a continuidade dos seus serviços a Clientes e Condutores.

Entre as medidas já adotadas, gostaríamos de destacar as seguintes:

  • A empresa encontra-se a dotar todos os seus Colaboradores de ferramentas remotas no sentido de garantir uma flexibilidade plena dos seus recursos humanos;

  • A partir do dia 16/03/2020, a empresa passará a laborar, por tempo indeterminado, com um número significativo de Colaboradores em regime de teletrabalho;

  • As reuniões presenciais estão a ser adiadas ou substituídas por reuniões com recurso a meios de comunicação à distância (Telefone e/ou Videoconferência);

  • Qualquer acesso à Locarent por elemento externo à empresa é precedido pelo preenchimento de um breve Questionário de Avaliação de Risco;

  • Aconselhamento aos Colaboradores no sentido de não efetuarem viagens para destinos afetados pelo COVID-19.

 

Este Plano de Contingência é dinâmico e será ajustado à medida da evolução do contexto em causa.
Qualquer alteração com impacto na atividade da empresa será oportunamente comunicado.

 

A Administração da Locarent

A Locarent, consciente da importância do seu papel de aconselhamento aos seus Clientes na escolha das melhores opções de mobilidade no âmbito do Renting Automóvel, lança uma nova iniciativa denominada “Marca e Modelos do Ano Locarent 2020”.

Esta é uma iniciativa de periodicidade anual, que visa distinguir as Marcas e Modelos Automóveis que mais se destacaram no último ano civil.

Assim, são distinguidos 7 Modelos, tendo em conta os seguintes segmentos de mercado: Utilitário, Pequeno Familiar, Familiar, SUV e Comercial, bem como as categorias de motorização Elétrico e Híbrido Plug-In. Os vencedores são apurados tendo em conta o desempenho comercial em termos de número de Viaturas, número de Clientes e um Índice de Qualidade baseado nos prazos de entrega.

A Locarent rege-se por uma estratégia de proximidade, tanto aos seus Clientes como aos seus Parceiros, visando sempre recomendar as melhores soluções para cada necessidade específica, sem esquecer a preocupação com os novos desafios ambientais e de mobilidade. É assim propósito da Locarent, com o lançamento desta iniciativa, reforçar estes laços com Clientes e Fornecedores do setor Automóvel.

Os Vencedores da iniciativa “Marca e Modelos do Ano Locarent 2020” são:

  • Utilitário do Ano: Peugeot 208 (Menções Honrosas para Volkswagen Polo e Renault Clio).
  • Pequeno Familiar do Ano: Ford Focus Station (Menções Honrosas para Peugeot 308 e Peugeot 308 Station).
  • Familiar do Ano: BMW Série 4 (Menções Honrosas para Mercedes Classe C Station e BMW Série 3).
  • SUV do Ano: Peugeot 3008 (Menções Honrosas para Seat Ateca e Peugeot 5008).
  • Comercial do Ano: Opel Combo (Menções Honrosas para Peugeot Partner e Citroën Berlingo).
  • Elétrico do Ano: Tesla Model 3 (Menções Honrosas para Nissan Leaf e Jaguar I-Pace)
  • Híbrido Plug-In do Ano: BMW Série 3 (Menções Honrosas para BMW Série 5 e BMW Série 2 Active Tourer).
  • MARCA do Ano: SEAT (Menções Honrosas para PEUGEOT e FIAT).

As alterações climáticas são um assunto cada vez mais urgente na nossa sociedade, e o setor automóvel é um dos mais visados pelas normas europeias para a redução de emissões. O sistema SCR – Redução Catalítica Seletiva – é uma das formas encontradas pela indústria automóvel para reduzir as emissões de óxidos de azoto (NOx) nos veículos a diesel, prejudiciais à saúde humana e uma das causas da poluição atmosférica. Este sistema é eficaz no seu objetivo quando é injetado o líquido AdBlue que reduz a emissão de óxidos de azoto transformando-os em gases inofensivos.

O que é o AdBlue?

Tal como o combustível, o AdBlue é um líquido consumível, que deverá ser abastecido com alguma regularidade num posto de abastecimento de combustível ou idealmente numa Oficina.

O consumo deste líquido varia em função de vários fatores: tipo de condução, temperatura de funcionamento do sistema e temperatura ambiente.

Não atestar regularmente o depósito de AdBlue poderá implicar o não arranque do automóvel, pelo que deverá ter sempre em atenção os sinais de alerta de abastecimento e autonomia da sua viatura.

A Locarent, através do seu novo Serviço Manutenção AdBlue, oferece-lhe agora a opção de incluir o atesto de AdBlue no seu contrato de Renting.

Saiba mais sobre o AdBlue na informação dos serviços de Renting da Locarent

A Locarent marcou, pela primeira vez, presença no maior evento de Gestão de Frotas em Portugal. Na sua 8ª Edição, a Conferência de Gestão de Frotas da Fleet Magazine contou com a maior participação de sempre, e a Locarent este presente com uma Stand onde se focou principalmente em divulgar a sua nova imagem ao seu principal público-alvo.

A Locarent vai mudar a sua sede para novas instalações, maiores e mais funcionais, com o propósito de acompanhar a evolução do negócio e melhor satisfazer as necessidades dos nossos Clientes/Parceiros.

O novo edifício-sede reflete a filosofia e a cultura que ficaram marcadas na sua mudança de imagem, que consistem numa aposta na inovação e na tecnologia, focada nos clientes e na transformação que está a ocorrer no ecossistema da mobilidade, visando unir as necessidades do presente às tendências do futuro.

Para a conceção e construção do seu novo escritório no Edifício Orange, a Locarent escolheu a Vector Mais, empresa de relevo no setor que se afirmou como parceiro que concilia experiência, qualidade e criatividade no trabalho executado.


No dia 29 de novembro estaremos em mudanças e, desta forma, com disponibilidade limitada. Contudo, o nosso site manter-se-á sempre online e manter-nos-emos contactáveis telefonicamente, através do contacto geral da nossa delegação no Porto: 22 616 64 00.

As novas instalações vão localizar-se na seguinte morada: Rua Henrique Callado, Nº 6, 2º Piso, B22, 2740-303 Leião

A partir do dia 2 de dezembro a atividade da Locarent será retomada, marcando este dia uma nova fase da vida da empresa!

Pelo segundo ano consecutivo, a Locarent irá lançar uma campanha na Black Friday!

Os contratos adjudicados (autorização de encomenda) no dia 22 de novembro estão isentos das despesas de abertura de contrato.

Contacte o seu Gestor Locarent para saber mais informações.

Os 15 anos da Locarent celebrados em 2019 significam muito mais que um aniversário. São o início de uma nova fase na vida da empresa, apresentando-se ao mercado com uma nova identidade.

Mas com esta nova identidade, o que irá mudar?

 

Posicionamento

A Nova Identidade da Locarent vai reforçar ainda mais aquele que é o ADN da empresa: Uma empresa de referência no mercado Renting focada na proximidade e relação com os seus Clientes. Este posicionamento será reforçado por uma marca mais moderna, com aposta em inovação e tecnologia para melhoria dos seus serviços e oferta, e com preocupação com a sustentabilidade do nosso Planeta. A Locarent sabe que os seus Clientes serão cada vez mais exigentes, procurando um serviço integrado desde o primeiro dia em que contactam a empresa. À Nova Identidade da Locarent juntar-se-á uma estratégia cada vez mais focada em soluções integradas e complementares ao Renting e à Gestão de Frota.

 

Mobilidade

A Locarent estará mais atenta aos desafios que a evolução acelerada da Mobilidade coloca aos vários setores em que impacta. Sabemos que os Clientes procuram soluções cada vez mais eficientes e integradas. O novo slogan da marca – Mobilidade que Une – reforça a aposta neste conceito que a cada dia que passa se torna mais importante no dia a dia e sustentabilidade nas grandes Cidades.

 

Presença

Com uma imagem mais moderna, mais tecnológica e sustentável, a Locarent irá desenvolver a sua presença digital e física junto do mercado através do seu Novo Website e do renovado Portal do Cliente, bem como da renovação dos seus Centros Técnicos e a dinamização da sua Estratégia de Comunicação.

 

A Inspiração cromática da nova imagem da Locarent não esquece a origem da empresa: Uma parceria entre os Grupos Caixa Geral de Depósitos e NOVO BANCO para a criação de uma empresa 100% Portuguesa prestadora de serviços de Renting automóvel nos segmentos de empresas e particulares.

 

2019 marca o início da nova vida da Locarent, uma empresa cada vez mais focada em Unir as necessidades do Presente às tendências do Futuro.

 

Locarent, Mobilidade que Une

 

Ligue-se a nós para acompanhar todas as novidades, através da nossa nova página do LinkedIn: https://www.linkedin.com/company/locarent/

A partir de novembro de 2018 na solução Renting da Locarent passou a incluir mais um serviço: a Inspeção Periódica Obrigatória (IPO).

Agora, os novos Clientes e os já existentes têm menos preocupações com as IPO’s, necessitando apenas de fazer a marcação através da Linha de Apoio e entregar a viatura no Centro de Inspeção. Do resto, trata a Locarent!

As principais vantagens deste serviço são:

  • Acesso à Rede Protocolada: Controlauto*
  • Marcação através da Linha de Apoio
  • Reinspeções Incluídas no custo**

O Serviço de IPO é opcional e os seus custos serão incluídos na renda mensal. Consulte aqui mais informações sobre as IPO’s.

* Nas zonas em que a Controlauto não está presente, o Serviço será disponibilizado por outro fornecedor
** Desde que, o motivo das mesmas não seja da responsabilidade do Cliente

Em setembro de 2018, com a entrada em vigor do WLTP (Worldwide Harmonized Light Vehicles Test Procedure – Procedimento Mundial Harmonizado de Teste para Veículos Ligeiros), assistimos a uma grande mudança no mercado automóvel, com todos os novos veículos matriculados no mercado europeu a passarem por novos ciclos de testes.

Mas o que trouxe de novo o WLTP?
Este novo ciclo de testes de homologação de consumos de combustível e emissões de CO2 vem substituir o anterior NEDC (New European Driving Cycle - Novo Ciclo Europeu de Condução), com o objetivo de fornecer dados de consumo e emissões mais realistas. Ou seja, há uma aproximação entre os valores comunicados e o desempenho real das viaturas. Mais rigoroso e com cenários mais dinâmicos - logo mais semelhantes ao comportamento em estrada - o WLTP é ainda complementado por um teste de emissões de gases poluentes (como as partículas e os óxidos de azoto) medido diretamente em estrada: o RDE (Real Driving Emissions – Emissões Reais de Condução). Este método pretende garantir que os resultados são um reflexo de cenários reais de condução.

Na prática, quais os benefícios do WLTP para o consumidor?
Os novos testes de laboratório que seguem um procedimento estandardizado e realista, permitem aos consumidores comparar o desempenho de diferentes modelos de viaturas. Logo, os clientes terão uma noção mais realista dos valores de consumo de combustível e emissões de gases, garantindo maior transparência e uma decisão de compra mais informada.

Que impactos causou a chegada do WLTP?
A maioria dos governos membros da UE aplicam impostos sobre o CO2 das viaturas (em Portugal, através do ISV e IUC) e, embora a Comissão Europeia tenha pedido aos Estados-Membros que evitassem o aumento dos impostos com a implementação do WLTP, a Associação Portuguesa para a Defesa do Consumidor (DECO) e a Associação Automóvel de Portugal alertaram para um possível aumento do Imposto Sobre Veículos (ISV). Ainda assim, não se registaram subidas de imposto já que esta alteração foi acompanhada de um ajustamento a nível das taxas aplicadas, por parte dos governos.

 

Na Locarent proporcionamos um serviço exemplar para que se sinta confortável em deixar a sua viatura connosco. Para o servirmos ainda melhor, criámos o Centro Técnico Locarent, onde pode entregar e assistir à peritagem do seu automóvel em final de contrato . No local tem um elemento da Locarent para o receber e um centro de lavagem e secagem para a sua viatura, caso necessite de ser limpa, garantindo o processo de devolução. Venha conhecer os nossos Centros Técnicos em Lisboa e no Porto/Alfena e usufrua de excelentes condições.

Lisboa: Rua de Angola 8, Edifício Centro Técnico Locarent
2620-044 Olival de Basto
GPS: 38°47'25'' N 9°10'4”W

Porto: Rua do Caulino, 403
4445-259 Alfena GPS: 41°13'52,0'' N 8°31'58,3'' O

Horário: De segunda a sexta-feira Das 9h00 às 12:30 e das 14h00 às 17h00

Contactos para marcação:
Contrato CaixaRenting
Portugal 800 200 032; Estrangeiro (+351) 214 405 029
Contrato NBrenting
Portugal 800 206 539; Estrangeiro (+351) 213 835 570

Esta medida resulta da recomendação que refere:

Quando o sujeito passivo do IUC for a Locarent, a repercussão deste imposto ao cliente configura uma contraprestação pela prestação do serviço, estando por isso sujeita a IVA de acordo com o disposto no art. 16º, nº 5, a) do Código do IVA (“o valor tributável das…prestações de serviços sujeitas a imposto, inclui … os impostos, direitos, taxas e outras imposições, com excepção do próprio imposto sobre o valor acrescentado”).

Desta forma todas as rendas dos contratos em vigor sofrerão um ligeiro aumento em virtude da incidência de IVA sobre o IUC.